Segunda, 27 de Maio de 2019
(67) 9 8425-6032

OPINIÃO
Ninguém está acima do bem e do mal
07 MAI 2019
Por Na Mira
07:13

Foto:
Ao decorrer da vida vamos nos deparar com todo tipo de gente, com pessoas que são ‘podres’ de ricas, mas vazias espiritualmente, com aquelas que apesar de terem muito dinheiro, possuem a maior riqueza que o ser humano possa ter: a humildade. Mas ainda teremos o desprazer de conhecer e em alguns casos conviver, com aquelas que acham estar acima do bem e do mal e que pensam dominar e manipular todos em sua volta. 

E aqui, no artigo desta semana, a coluna Na Mira coloca esses tipos de seres humanos na mira e os classifica como ‘coitados’, pois se hoje puxam tapete, conseguem manipular quem quer que seja, lá na frente encontrarão alguém para fazer pior. No entanto, ao classificá-los no degrau de coitados, assim são porque não passam de pessoas de corações amargos e vazios, trabalham em grandes empregas, empregam grande projetos, mas são ocas, que para se sentirem bem, ou melhor, para acharem que estão bem, humilham, pisam, usam e depois descartam. 

Apesar de difícil, deveríamos olhar primeiro para nós mesmos, porque infelizmente, às vezes, de forma inconsciente ou até mesmo consciente, agimos como pessoas desprezíveis, e é, por isso, que precisamos ter os olhos fitos no Senhor, como nos diz o salmista Davi, no Salmo 122. E também como ensina Jesus Cristo, no Seu Evangelho narrado por São Mateus (11,28). “Aprendei de mim que sou manso e humilde de coração”. 

Na Mira e na contramão, precisamos aprender dia a dia, e mencionaria até, minuto a minuto, a ser humildes e enxergar nossa pequenez, pois Deus se encarnou, se fez Homem em tudo, exceto no pecado, e se deixou ser humilhado. 

Jesus nos ensinou e ensina até hoje, que virar a face para o inimigo continuar batendo, é sempre a melhor resposta, se calar diante de asneiras, julgamentos, ameaças, é de uma certa forma, responder e deixar que apenas o outro se desgaste. 

Mas Na Mira e coitados de quem acha estar acima do bem e do mal, porque uma hora esse pedestal que foi construído de areia, cairá com a onda forte e sobrará apenas o chão e a poeira sacudida. 

Espero ter conseguido expressar a mensagem central do tema dessa semana que é a realidade de que acima de nós, apenas Deus. Somos frágeis, e como a chama de uma vela, em fração de segundos, podemos apagar. Que possamos refletir sobre isso. Até semana que vem.