Sexta, 24 de Janeiro de 2020
(67) 9 8466-5449

TENÇÕES
Principais fatores que devem influenciar a economia este ano
Embates no Oriente Médio trazem volatilidade aos mercados no começo de janeiro.
14 JAN 2020
Por Roberta Ferreira, Portal Urgente
08:17

Foto: Divulgação
Nos primeiros dias de 2020 as tenções foram totalmente para os Estados Unidos e o Irá, pois o general iraniano Qassim Suleimani foi morto em um ataque americano a Bagdá, com ordem do presidente Donald Trump. 

Com isto causou vários impactos pelo mundo, como por exemplo, abalou as bolsas de valores, o petróleo subiu, além dos EUA e Irá um ameaçando atacar o outro país. 

Apesar do ano passado ter terminado sem tenções, este ano já começou assim, ou seja, com incertezas, será que irão começar uma guerra?

As bolsas de valores tiveram uma quada, agora está se recuperando. 

Antes do general iraniano ser morto a economia global era muito boa.

Em 2019 os EUA e a China estavam em uma guerra comercial, ou seja, uma nova tarifa iria se instalar, teve também a desvalorização da moda, tarifas próprias, fora o embate desses dois países.

E o ano de 2019 terminou com um acordo deles, as maiores economias do mundo avançaram para uma conversa civilizada, animando os mercados. 

Em relatório divulgado em outubro de 2019, o FMI (Fundo Monetário Internacional) projetou um crescimento de 3,4% da economia global em 2020. O prognóstico foi feito antes da eleição no Reino Unido e do encaminhamento de um acordo comercial entre EUA e China. As tensões entre EUA e Irã não foram contabilizadas.