Sexta, 19 de Julho de 2019
(67) 9 8425-6032

EXCLUSIVO "A TARDE É SUA"
Caso Rafael Miguel: 1 mês depois, assassino não está em lista de procurados
PAULO CUPERTINO MATOU O ATOR E OS PAIS DELES
10 JUL 2019
Por Redação/RedeTV!
09:36

Foto: Reprodução/Instagram e Divulgação/Polícia Civil
Um mês após o assassinato de Rafael Miguel e dos pais, o autor do crime, Paulo Cupertino, que matou a família com tiros à queima-roupa, segue em liberdade e não teve o nome incluído na lista de procurados. A informação foi divulgada nesta terça-feira (9) pelo colunista Alessandro Lo-Bianco, no "A Tarde É Sua", de Sonia Abrão.

O jornalista explicou que, segundo informações oficiais da polícia, Cupertino não consta na lista estadual nem nacional de procurados porque está com mandado de prisão temporária - e só entraria em caso de prisão preventiva. De acordo com Lo-Bianco, a Interpol informou que está em processo de cadastramento do suspeito, que, teria sido visto nos países vizinhos Uruguai e Paraguai.

Com prisão decretada desde 12 de junho (três dias após os crimes), Cupertino já teve imagens de possíveis disfarces divulgadas pela Polícia Civil de São Paulo, além de ter tido a conta bancária bloqueada - a fim de interromper a fuga dele.

Ele é pai da namorada de Rafael Miguel, Isabela Tibcherani, de 18 anos, e seria contra o relacionamento dos dois.